Univille e PMP-BS inauguram unidade de estabilização de fauna marinha em São Francisco do Sul


A Univille e o Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) inauguram nesta quarta-feira (8/11), em São Francisco do Sul, uma Unidade de Estabilização de Animais Marinhos.

O espaço, devidamente equipado para realização de atendimentos veterinários iniciais de aves, tartarugas e mamíferos marinhos debilitados resgatados durante o monitoramento das praias da região Norte de Santa Catarina, funcionará no no centro de pesquisas da Univille, localizado na Rodovia Duque de Caxias, no acesso às principais praias de São Francisco do Sul.

Há mais de dois anos, a equipe da Univille é responsável por executar o PMP-BS na região, sobretudo nos trechos de praias das cidades de São Francisco do Sul, Araquari, Itapoá e Barra do Sul.

O PMP-BS atua no resgate de animais marinhos vivos que estejam debilitados e de animais marinhos mortos para a realização de necropsia e coleta de amostras para análises.

Sob coordenação da Univali, este trabalho é realizado de Laguna (SC) a Ubatuba (SP) por equipes de diversas instituições que contam com unidades de estabilização, centros de reabilitação e unidades de apoio.

Após um primeiro atendimento, caso seja necessário, a unidade encaminha o animal ao Centro de Reabilitação e Despetrolização mais próximo, onde os animais têm um atendimento completo, podendo permanecer em reabilitação por períodos mais longos.

Já em casos de óbito, a unidade é capacitada para realizar necropsia dos animais. O prédio conta também com uma ala administrativa destinada ao arquivamento de documentos, análise e processamento de dados, dentre outras atividades gerenciais e operacionais.

"A Univille faz parte da Rede de Encalhes de Mamíferos Aquáticos do Brasil e já realizava o trabalho de resgate de animais mortos há mais de 15 anos no litoral norte de Santa Catarina. Com a implantação do PMP-BS e a construção dessa Unidade de Estabilização, hoje esse trabalho está sendo feito de uma forma muito mais completa, adequada, estruturada. Antes do PMP-BS, não tínhamos veterinários e nem condições de atender animais marinhos vivos debilitados, agora já estamos realizando com eficiência este tipo de atendimento direcionado para aves, quelônios e mamíferos marinhos encontrados debilitados nas praias, tanto nos nossos monitoramentos diários quanto por meio dos acionamentos via 0800-642-3341. Então esse projeto está sendo bastante positivo para a região”, ressalta a bióloga Marta Cremer, coordenadora do PMP-BS no litoral norte de Santa Catarina.

Além da Unidade de Estabilização, a Univille também contará com uma estrutura complementar que abrigará o Laboratório de Processamento Histológico. Este laboratório realizará análises dos tecidos dos tetrápodes marinhos registrados pelo PMP-BS.

Ao todo, o PMP-BS conta com 04 Unidades de Estabilização – localizadas em Penha (SC), São Francisco do Sul (SC), Laguna (SC) e São Sebastião (SP) ­– e 05 Centros de Reabilitação e Despetrolização, localizados em Florianópolis (SC), Pontal do Paraná (PR), Ilha Comprida (SP), Guarujá (SP) e Ubatuba (SP).

Além destas estruturas, o projeto conta com mais três Bases de Apoio, localizadas em Imbituba (SC), na Ilha de Superagui (PR) e Praia Grande (SP).

O Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no Pólo Pré-Sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama.

ATENÇÃO

Caso alguém aviste uma ave, tartaruga ou mamífero marinho encalhado na praia, vivo ou morto, a orientação é para que entre em contato pelos telefones 0800-642-3341, (47) 3471-3816 ou (47) 99212-9218.

Posts Em Destaque
Posts Recentes